[Minuto B] - 12 das melhores formas do marketing conquistar mais clientes! - Balaio da Criação

Por João Kzam

João Kzam, #osenhordabusca, facilitador, palestrante, comunicador, jornalista digital, conteudista, content maker, podcast maker da Balaio da Criação e uma das vozes do Minuto B do PodAí da Balaio.

Publicado em 17 de novembro de 2020 | Atualizado em 20 de novembro de 2020


12 das melhores formas do marketing conquistar mais clientes! O Complexo Cérebro Humano O cérebro humano é incrivelmente complexo. O cérebro não ajuda você apenas nas tarefas e conversas diárias. Ele cria emoções como amor, medo, raiva, paixão. O cérebro humano tem tantas decisões a processar e deseja processá-las o

12 das melhores formas do marketing conquistar mais clientes!

O Complexo Cérebro Humano

O cérebro humano é incrivelmente complexo. O cérebro não ajuda você apenas nas tarefas e conversas diárias. Ele cria emoções como amor, medo, raiva, paixão.

O cérebro humano tem tantas decisões a processar e deseja processá-las o mais rápido possível, e é por isso que possui mecanismos para tomar decisões rapidamente – atalhos, se preferir .

Esses atalhos chamamos de gatilhos que podem ser acionados para impulsionar as ações desejadas. Muitas das vezes não estamos verificando necessidades diariamente e eventualmente as pessoas podem ser despertadas para essas necessidades.

É baseado nesse aspecto da vida humana que são utilizadas algumas estratégias no marketing para ajudar as pessoas a escolher produtos online e é justamente por isso que todos querem chamar atenção.

É uma briga acirrada que demanda empenho, trabalho árduo, persistência, insistência e criatividade, pois todos estão fazendo de tudo para cativar clientes.

Utilizando Gatilhos Mentais

Por isso separamos aqui 12 formas do marketing que as agências utilizam para conquistar seus cliente!

#1. Ofereça algo sem nenhum custo.

Sabe aquele ditado popular: “De graça até injeção na testa.”?

Se fosse apresentado a você produtos semelhantes com os mesmos resultados, sendo que um fosse barato e o outro oferecesse uma avaliação gratuita de 30 dias, qual você acha que escolheria?

Oferecer algo de graça é o tipo de estímulo que pode tornar o desconhecido menos assustador. Ele efetivamente reduz as barreiras mentais e físicas para tentar algo novo. Você não precisa sacar seu cartão de crédito, pensar em cancelar algo se não gostar ou pensar na possibilidade de desperdiçar dinheiro.

#2. Use novidade

As pessoas estão dispostas a pagar por versões novas e aprimoradas. Na verdade, é mais do que boa vontade – eles querem . O neurotransmissor dopamina é liberado em nosso cérebro quando tentamos coisas novas, o que nos dá uma sensação de prazer. É por isso que as pessoas adoram atualizações, melhorias, novos recursos e inovações.

Você não precisa adicionar um novo produto à sua oferta para usar a novidade como um gatilho psicológico para ajudá-lo a vender mais; basta adicionar um novo recurso ou alterar a forma como algo funciona. Apenas não se esqueça de avisar seus clientes sobre isso!

Muitas empresas não criaram algo totalmente novo, apenas atualizaram seu produto tornando-os melhores. As atualizações encorajam as pessoas a experimentar a versão mais recente de um produto com o qual já estão satisfeitas e encorajam as pessoas que não gostaram das versões anteriores a voltar.

#3. Aproveite as avaliações dos clientes

As avaliações dos clientes comunicam que o cliente que dá uma olhada em seu conteúdo de marketing não é o único interessado nele; outra pessoa o usou e obteve grande sucesso!

Cerca de 95% dos usuários consideram as avaliações uma fonte confiável ao avaliar um produto ou quando desejam aprender mais sobre ele. Portanto, é bastante óbvio o impacto que eles têm ao influenciar os compradores de primeira viagem, em particular. As críticas influenciam a mentalidade de rebanho. A grande maioria são seguidores e não querem ser os primeiros a tentar algo.

Você pode mostrar o feedback do cliente em praticamente qualquer lugar: no seu site , em perfis de mídia social ou até mesmo usá-los em campanhas de e-mail ou planilhas . As possibilidades são infinitas para alavancar feedback positivo para aumentar a confiança em sua marca ou produto (s).

O resultado psicológico disso é que as perspectivas de ver pessoas compartilhando experiências positivas estão mais inclinadas a comprar de você do que aqueles que nunca as leem. Além disso, os clientes que veem esses comentários podem querer deixar um comentário também, ajudando você a aumentar suas avaliações.

#4. Use a curiosidade

As pessoas são tão curiosas que, uma vez que tenham apenas algumas informações, se essas informações despertarem seu interesse o suficiente, elas vão querer mais. Então, comece contando uma história, mas não a termine. Deixe que a curiosidade os domine, para que se movam na direção que você deseja – uma venda .

#5. Use recursos visuais fortes

As imagens que você usa são muito importantes. As pessoas reconhecem a besteira quando a veem, então não use imagens genéricas. Um visual forte irá gerar uma resposta emocional nos espectadores, ajudando assim as pessoas a se conectarem ao seu produto ou serviço e aumentando o potencial de memorização da visita ao site.

Escolha imagens que façam seu cliente se sentir feliz, porque é isso que eles querem, afinal – felicidade. A foto de uma pessoa ou cliente feliz vai acertar o alvo e ajudá-lo a vender mais porque você gera felicidade.

#6. Usando uma narrativa

As histórias são uma ótima forma de estimular a inteligência dos seus clientes a ajudá-lo a vender mais. Por quê? Porque as histórias desencadeiam emoções e 95% da nossa cognição acontece dentro do nosso subconsciente – a parte do nosso cérebro que faz conexões emocionais.

As histórias usam palavras, imagens e sons de forma criativa que, se bem feitas, ajudam você a se destacar entre todo o conteúdo barulhento. Uma história bem contada ajuda as pessoas a sentir experiências que ainda não viveram, ativando áreas do cérebro relacionadas à visão, som, paladar e movimento.

Uma boa história pode aumentar a percepção das pessoas sobre sua credibilidade. Conecte as pessoas ao seu produto por meio de uma boa história.

#7. Faça seus clientes em potencial se sentirem valorizados

De acordo com a hierarquia de Maslow, amor e pertencimento são responsáveis ​​por algumas das necessidades básicas que motivam os humanos e suas escolhas. Todos nós queremos nos sentir valorizados e significativos, então faremos escolhas para as alternativas cujo resultado tem uma chance melhor de fazer as pessoas reconhecerem o valor de nossa singularidade individual.

Crie um pacote personalizado sugerindo exclusividade com base na premissa de que duas pessoas não são iguais. Eles movem os visitantes para seu site por meio de um questionário para desenvolver o conceito de que estão criando um design de caixa personalizado só para eles.

#8. Psicologia da cor

Cores desencadeiam mais emoções do que palavras, assim, o vermelho está associado à energia e paixão, o laranja está associado à diversão, positividade e boa saúde, o amarelo ao otimismo e alegria e o azul à confiança.

As cores definem nosso humor e têm o poder de influenciar nossas respostas, portanto, você deve usá-las para transmitir sua mensagem de maneira eficaz. Não apenas isso, o cérebro processa informações visuais 60.000 vezes mais rápido do que texto,

A psicologia da cor é uma ótima maneira de ajudá-lo a prever e orientar as escolhas que seus clientes farão para que você possa vender mais.

#9. Aproveite as emoções

Você sabia que a dor é mais poderosa do que o prazer? Aborde seus pontos fracos para vender mais, mas não a ponto de parecer falso. Aliás todas as técnicas aqui são baseadas na verdade e na confiança.

Em sua cópia, o Norton invoca situações comuns com as quais seu mercado-alvo pode se relacionar. Ao citar as consequências de dados desprotegidos sobre um assunto tão delicado, a empresa cria um cenário que induz as pessoas a refletirem sobre o perigo de não terem um anti-vŕus, motivando os visitantes a adquirirem seu produto.

#10. Sensação de pertencer

Todos nós temos um desejo inato de comunidade e um senso de pertencimento. É por isso que fazer seus clientes potenciais se sentirem parte de um grupo maior pode torná-los mais suscetíveis a ouvir sua mensagem.

O Hubspot puxou os cordões do coração das pessoas ao comunicar a comunidade que elas construíram. Sua alegação de que seus produtos não são “poderosos sozinhos. Melhor junto.” estendem-se também ao ângulo social. Eles também desenvolveram um excelente suporte ao cliente e comunidades de usuários para criar essa sensação de conectividade.

#11. Venda benefícios, não recursos

As empresas têm a tendência de anunciar os recursos que criaram para seus produtos. Afinal, é por causa desses recursos que as pessoas verão os resultados, certo? A questão é … características carecem de conexão emocional; eles são puramente lógicos.

As pessoas se preocupam com seus próprios problemas e como você pode resolvê-los. Vender os benefícios é o que ajuda as pessoas a realmente entenderem como o produto melhoraria suas vidas.

#12. As pessoas preferem simples

Soluções fáceis, rápidas e eficazes combinam bem com as pessoas. Mas, as pessoas ainda querem bons resultados, então a facilidade não pode ter um custo.

Psicologicamente falando, a mente humana está mais inclinada à simplicidade do que à complexidade, por isso as pessoas tendem a evitar aquelas situações que sobrecarregam sua carga cognitiva.

O interesse dos indivíduos é desencadeado por situações simples. Essa teoria pode ser muito bem aproveitada em vendas e marketing. Quer seja sobre o produto em si ou sobre a experiência da marca, os clientes procuram experiências minimalistas.

A simplificação também se refere à criação de uma experiência de marca holística e contínua, na qual os clientes podem navegar facilmente por conta própria, sem encontrar barreiras.

O Uso Combinado

O cérebro humano é tão complexo que existem tantas maneiras diferentes de aproveitá-lo para vender mais. Experimente algumas dessas táticas, gire-as de maneiras diferentes e misture e combine para ver qual é mais eficaz para você.

Usando esses gatilhos psicológicos, você certamente pode vender mais do que está vendendo agora, mesmo se já estiver vendendo muito!

Comente no artigo quais gatilhos psicológicos você usa com mais frequência.

Mas se preferir passa na nossa agência, a Balaio da Criação e do Minuto B, e venha tomar um cafezinho com a gente.

Sou João Kzam, o senhor da busca e voz do podcast PodAí da Balaio da Criação. Participe de nossas redes sociais, comente, compartilhe ou sugira um assunto que você deseja ouvir aqui conosco. Até nosso próximo episódio, bye bye.

Print Friendly, PDF & Email

Posts relacionados